Muriaé Céu nublado com chuva leve
Max 31º
Min  20º
JORNALISMO | 18/10/2019 « Voltar

Prefeitura de Muriaé divulga nota sobre mais um caso de meningite no município

Prefeitura de Muriaé divulga nota sobre mais um caso de meningite no município
Daniel Licy, informou que este caso não está vinculado com o caso de uma menina de 3 anos que faleceu em agosto

A Prefeitura de Muriaé, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), informa que o menino de 4 anos diagnosticado com meningite – sugestiva de ser do tipo viral – está reagindo bem ao tratamento e com previsão de ser transferido para o quarto ainda nesta sexta-feira (18).

A Administração municipal frisa que não há indicativo de surto da doença e, com isso, não há motivo para pânico. Segundo o médico infectologista do Setor de Epidemiologia da Secretaria de Saúde, Daniel Licy, este caso não há vínculo com o caso de uma menina de 3 anos que faleceu no dia 21 de agosto vítima de uma meningite do tipo haemophilos influenzae - inclusive já se passou o período em que haveria possibilidade deste vínculo. O especialista explica que, assim como o anterior, este é um caso isolado.

O garoto foi internado no Hospital São Paulo na quarta-feira (16). Exames laboratoriais foram enviados para a Fundação Ezequiel Dias (Funed), que é o laboratório referência do estado, em Belo Horizonte, para análise e diagnóstico do tipo de meningite.

Assim que foi notificada sobre o caso, a equipe do Setor de Epidemiologia tomou todas as medidas de profilaxia necessárias e preconizadas pelo Ministério da Saúde, a fim de conter qualquer possibilidade de disseminação. Familiares, pessoas íntimas, profissionais da educação e de saúde e alunos – o menino estuda em uma instituição da rede particular da cidade – que têm contato com a criança estão recebendo quimioprofilaxia por rifampicina, medida terapêutica para a prevenção aos que tiveram contato íntimo, ou seja, foram expostos ao doente por 20 horas semanais ou que tiveram contato com secreção.

Na quarta-feira (16), a equipe da SMS esteve na escola onde a criança estuda para prestar esclarecimentos e orientações. A Secretaria Municipal de Saúde também solicitou à escola que garanta informações sobre o estado vacinal das pessoas que tiveram contato com o menino, para fazerem parte das ações da SMS e saber a necessidade de imunizações.

Por fim, a Prefeitura de Muriaé, por meio da Secretaria Municipal de Saúde e em nome do secretário da pasta, Paulo César de Oliveira, se solidariza com a família do garoto neste momento, torcendo para que o mesmo se recupere o mais breve possível e possa retornar para sua casa.

 



Fonte : Ascom Prefeitura de Muriaé




COMENTÁRIOS 1


Eliane
Postado no dia 18/10/2019 - 21:36 Cidade: Muriaé - Mg
» Por mais que a secretaria da Saúde tente acalmar a população, meningite é uma doença gravíssima, seja ela viral ou bacteriana, meu filho teve, e foi o pior momento que passei em minha vida, ele tinha sete anos, entrou em coma com três horas depois do primeiro vômito, ficou um mês internado e mais quatro meses de tratamento, os médicos que cuidaram dele aqui me disseram duas vezes que ele ia morrer, mas Deus foi grandiosamente bom e o curou . Alerto aos pais que tiverem condições, vacinarem seus filhos. Não quero, jamais que ninguém passe pelo o que eu passei. Obrigada aos médicos que cuidaram do meu filho e Principalmente a Deus que teve a misericórdia de curá-lo sem nenhuma sequela. Estou orando para este anjinho , pq Deus é muito bom com aqueles que Nele acredita.

COMENTAR
Não use palavras ofensivas ou “palavrões”, calúnias, difamações ou ataques pessoais a honra de alguém: O uso destas palavras agressivas e vexatórias é expressamente proibido neste site. Ao conteúdo deste jeito, o seu comentário será recusado e excluído.

Nome:
E-mail:
Cidade:
UF:
Comentário:


    












PUBLICIDADES