Homem de 52 anos é detido pela PM após filha, de 21 anos, denunciar importunação sexual e ameaças.

No último dia 26 de novembro, um homem de 52 anos foi preso após ameaçar a própria filha de morte, seguindo uma série de episódios de importunação sexual. O incidente ocorreu na cidade de Dona Euzébia.

A vítima, uma jovem de 21 anos, relatou à Polícia Militar que o pai havia passado a mão em sua coxa e manifestado o desejo de manter relações sexuais com ela. Além disso, o homem fez ameaças sérias, alertando que mataria a filha caso alguém descobrisse a situação.

Três dias após o primeiro episódio, no dia 29 de novembro, o homem voltou a abordar a filha, questionando se ela o havia perdoado. Ao não receber o perdão desejado, proferiu novas ameaças, desta vez declarando que buscaria uma arma para assassinar a jovem antes de tirar sua própria vida.

Diante das ameaças iminentes, a filha não hesitou em acionar a Polícia Militar. Rapidamente, a PM realizou um rastreamento que culminou na prisão em flagrante do homem pelos crimes de importunação sexual e ameaça. O acusado foi encaminhado para delegacia de Cataguases, onde permanece sob custódia das autoridades.

Siga a Rádio Muriaé através de nossas redes sociais, clicando nos ícones abaixo: