PCMG deflagra operação Thor de combate ao crime organizado em Viçosa

Nesta quinta-feira (8), a Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG), com apoio da Polícia Militar, deflagrou a operação Thor em combate ao crime organizado na cidade de Viçosa, na Zona da Mata.

Coordenada pelo delegado Bruno Mazzini e conduzida pelos delegados Moisés Albuquerque e Renato Zanco, a investigação resultou no cumprimento de sete mandados de prisão, 23 de busca e apreensão e na apreensão de dois adolescentes. Dois suspeitos também foram presos em flagrante

Além das prisões, foram apreendidas três pistolas, dois revólveres, dois coletes balísticos, munições de calibre

Permitido e restrito, carregadores de pistola alongados, maconha, crack, cocaína, balança de precisão e anotações do tráfico de drogas.

Os suspeitos, com idades entre 21 e 44 anos, e os adolescentes, 16 e 17 anos, foram localizados nos bairros Bom Jesus, Estrelas, Santa Clara, São José, Boa Vista, Arduino Bolívia e Cidade Nova. Os flagrantes foram ratificados pelos crimes de porte e posse ilegal de arma de fogo de calibre restrito, posse de arma de fogo de calibre permitido e tráfico de entorpecentes.

De acordo com o delegado que coordenou a ação, Bruno Mazzini, “O enfrentamento conjunto das forças policiais destaca o comprometimento no combate à criminalidade, reforçando a segurança da comunidade e demonstrando a eficiência das operações coordenadas pela Polícia Civil de Minas Gerais”.

A ação mobilizou 96 policiais civis, 65 policiais militares, cinco bombeiros militares, 47 viaturas, dois helicópteros e cães farejadores.