Padre Márcio Arthur confirma arrombamento e furto, resultando na suspensão temporária das atividades na Igreja do Divino Espírito Santo.

Na manhã deste domingo (18), a cidade de Cataguases, no bairro Pouso Alegre, foi palco de um ato de profanação a comunidade católica, quando um ladrão arrombou a janela da Igreja do Divino Espírito Santo, comentendo prática de furto.

O pároco local, Padre Márcio Arthur, confirmou o incidente e acionou imediatamente a Polícia Militar, que compareceu ao local para registrar o Boletim de Ocorrência. Segundo relatos do religioso, o invasor não apenas furtou duas mesas de som, mas também causou danos significativos ao patrimônio religioso.

“O ladrão arrebentou a lateral do Sacrário, jogou Eucaristia (hóstias consagradas) dentro do próprio sacrário e pelo chão, além de retirar a âmbula e a teca que estavam dentro dele”, lamentou o padre Márcio Arthur. Em uma nota oficial divulgada nas redes sociais da igreja, foi ressaltado que o ato profano não envolveu a subtração das hóstias consagradas, que foram transferidas para a Igreja Matriz.

Diante da gravidade do ocorrido, a Igreja do Divino Espírito Santo estará temporariamente lacrada, marcando um período de luto e suspensão de todas as atividades. Padre Márcio Arthur anunciou que aguardará a presença do bispo, Dom Edson Oriolo, para celebrar uma Missa do Desagravo, buscando o perdão de Deus pela profanação da Eucaristia dentro da igreja.

O pároco concluiu sua declaração afirmando que em breve será comunicada à comunidade do Bairro Pouso Alegre a data e o horário para a celebração desta Eucaristia, buscando superar o trauma causado pela ação criminosa.

Fonte: Marcelo Lopes

Siga a Rádio Muriaé através de nossas redes sociais, clicando nos ícones abaixo: