Câmeras de segurança do estabelecimento registram o crime

Uma mulher, de 37 anos, e a filha adolescente, foram vistas furtando 16 peças de picanha na tarde desta sexta-feira (26) em um supermercado da área central de Muriaé. As imagens foram registradas pelas câmeras de segurança do estabelecimento.

Através do registro, foi possível observar as autoras colocando as peças de picanha, assim como um pacote de carne seca, dentro de uma sacola grande.

Segundo um comerciante do supermercado, cada peça de picanha custa em média R$ 80 reais, ou seja, as 16 peças custariam em torno de R$ 1.280 reais.

Conforme a PM, as autoras ainda não foram localizadas, e as viaturas seguem em rastreamento.

Siga a Rádio Muriaé através de nossas redes sociais, clicando nos ícones abaixo: