Momento em que delfim é ouvido pelos vereadores - Fotos: Câmara Municipal de Muriaé

A Câmara Municipal recebeu nesta segunda-feira (17), pela primeira vez, o vereador afastado, Carlos Delfim (PDT) e sua testemunha para a audiência de instrução.

A reunião contou com o presidente da Comissão Processante, vereador Celsinho (PSD), o relator Ciso (PL) e e Delsinho Amaro (SOLIDARIEDADE). O vereador em exercício Reginaldo Roriz – PDT, proponente do pedido de cassação de Delfim, acompanhou os depoimentos, assim como o presidente da Câmara, vereador Dr. Gerson Varella Neto (UNIÃO) e o vereador Lelei (PSD). O interrogatório durou cerca de 40 minutos.

A audiência foi conduzida pelo vereador Celsinho, assessorado pelo advogado da Câmara, Lucas Miranda. De acordo com a Defesa de Delfim, a testemunha ouvida pelos vereadores negou que repassou algum valor financeiro a Delfim. O representado respondeu todas as indagações feitas pelos vereadores. A defesa afirmou também que o réu é inocente em todas as acusações e acredita em sua absolvição.

Seguindo o cronograma, o próximo passo agora é a apresentação, por parte da Defesa de Carlos Delfim, das alegações finais para que o vereador Ciso possa elaborar seu relatório. A Comissão Processante, que investiga as denúncias apresentadas contra Delfim, teve início nos primeiros dias de março.

Durante o andamento da comissão processante, Delfim, mesmo afastado, segue recebendo salário na Câmara por determinação judicial. A previsão é que o relatório final seja apreciado pelo restante dos vereadores até o final de maio deste ano e em seguida, seja votado a cassação.

Siga a Rádio Muriaé através de nossas redes sociais, clicando nos ícones abaixo: